Bye bye, so long, farewell

Imagine que estamos todos na cerimônia oficial de encerramento das atividades do Já Matei Por Menos. Este blog, que criei por volta de 2007, ainda no Blogspot, já passou por poucas e boas. Se mudou de Salvador para São Paulo junto comigo. Saiu do Blogspot para o finado A Postos, depois para um domínio próprio. [...]

Beijo de novela

Verdade, ter dois homens se beijando na novela é um primeiro passo. Mas um primeiro passo rumo a quê? Rumo ao projeto de inclusão de quem e por quem? Em que termos essa inclusão se dará? O problema crucial dessas inclusões televisivas empreendidas pelas novelas da Globo é o achatamento das diferenças. Quando é tolerado [...]

Voltem para o armário

Li um artigo sobre como os blogs de moda estilo “blogueira de moda”, “look do dia” estavam ficando datados e sendo progressivamente substituídos por outros modelos como o blog de mãe (em que uma moça fala sobre o universo da maternidade bacana); o blog de Amélia (em que a moça fala sobre como arrumar a [...]

Almoço de firma

Hoje eu tive que almoçar na região da Paulista e fiquei enfeitiçada pelos diversos papos de firma ao meu redor. O Papo de Firma e o Almoço de Firma são duas entidades que me fazem evitar a todo custo almoçar na rua durante a semana, sobretudo em locais com Alta Concentração de Firmas.

O esquema é [...]

Kalpan está 97% sortudo

Eu tenho esse amigo que é até bastante prolixo em e-mails, mas cuja única atualização no Facebook vem de um aplicativo chamado Luck Daily que te diz sua sorte do dia em porcentagens. Hoje, por exemplo, eu posso até estar estudando de madrugada, mas é reconfortante saber que, lá na Índia, Kalpan está 97% sortudo. [...]

O repórter apegado

O repórter apegado é uma figura digna de pena dentro do ambiente da redação. A vontade das pessoas é dizer para ele: “tá se achando artista? Vai virar escritor”, numa fúria digna daqueles usuários de transporte público que se irritam quando alguém reclama do calor ou da falta de espaço. “Quer ventinho? Vai de táxi”. [...]

Sobre cachorros e velhinhas

Foi na Folha que eu aprendi que notícia é quando a velhinha morde o cachorro, não quando o cachorro morde a velhinha. Imagine como fiquei surpresa quando o jornal veio logo depois da onda de protestos e publicou todo cheio de si: “Jornalismo domina rede social durante protestos pelo país”. O que a Folha esperava? [...]

Mãe,

Um divertimento para aquecer seu relacionamento: dar uma olhada nos boletins de infância do seu par e ver que, décadas antes de você se estruturar enquanto ser humano, pedagogas que tratam qualquer mãe por “Mãe,” já haviam escrutinado suas principais falhas de caráter.

Hoje, depois de anos morando com meu namorado, não saberia defini-lo melhor do [...]

Projeto paralelo

Em algum ponto dos últimos dois ou três anos convencionou-se que todos precisavam ter um “projeto paralelo”. Leia-se: o sujeito não está eximido da responsabilidade de ter um emprego numa empresa que seja: a) muito hipster ou b) famosa e rica. A necessidade do emprego continua imperativa e pessoas seguem usando cargos e nomes de [...]

Pastel mel

Às vezes ele era muito chato falando dessa coisa de religião. Sentava, vamos dizer, numa mesa de lanchonete depois de um filme qualquer e perguntava em tom falsamente casual se a gente queria ir à igreja no domingo. Eu dizia: “Passo. E passa o sal”; já ela ficava bem mais chateada. Para ela, esse era [...]